Como escolher o melhor calçado?


Como escolher o melhor calçado?
Desde os tempos de Cinderela, aprendemos que o melhor sapato é aquele que se encaixa direito em nossos pés. Embora saibamos que isso é verdade, nem sempre colocamos isso em prática. Muitas vezes escolhemos um sapato que achamos bonito, porém não prestamos atenção ao conforto. As modas bizarras, ignorância e vaidade fazem com que a maioria das pessoas usem calçados que prejudicam a saúde e que ainda trazem grandes riscos de lesões em seus pés e coluna.

Saúde dos pés x calçado

Seus pés carregam o peso de seu corpo e sentem o impacto e tensão quando se movimenta. Se não forem devidamente apoiados, eles correm risco de lesão. O calçado desempenha um grande papel no desenvolvimento, bem como a prevenção de problemas nos pés como joanetes, calos e calosidades.

Sapatos que não se encaixam corretamente nas suas condições, podem afetar a sua mobilidade. Em um dia normal, os pés de um adulto suportam uma força igual a centenas de toneladas! Por isso que você deve cuidar bem dos seus pés. O calçado adequado pode ajudá-lo a fazer isso.

Cuidados com os pés

Apesar dos cuidados com os pés se aplicarem à todos, é preciso ter cuidado dobrado para quem tem artrite, diabetes ou empregos que exijam ficar em pé por longas horas. Conforme sua idade, o seu calçado desempenha um grande papel em como você pode ter firmeza em seus pés e isso é fundamental para os  idosos. É importantissímo que o sapato se encaixe perfeitamente em seus pés. Não existe o sapato com a fórmula perfeita, pois existem vários tipos de pés e vários tipos de sapatos. Então, o jeito é sair experimentando, até encontrar o sapato que se encaixe perfeitamente no seu pé e que seja confortável.

Algumas dicas que você precisa saber na próxima vez que você for comprar calçados:

• Analise bem seus pés – Cada pessoa tem um tipo de pé diferente e é importante conhecê-lo profundamente.

• O grau de atividade física durante o dia, o seu peso e idade.

• É óbvio que uma pessoa que caminha muito, vai colocar mais pressão sobre os pés do que alguém que trabalha sentado por exemplo. Um chef de cozinha ou um enfermeiro pode precisar de sapatos que são diferentes de um executivo. Uma pessoa com excesso de peso ou idade precisa usar um calçado que é  diferente de uma pessoa magra e com 25 anos, por exemplo.

Sapatos para trabalhar

• O seu trabalho exige que você seja exposto a materiais perigosos? Se sim, então você precisa escolher  sapatos com bico de aço. Empregos com exposição a corrente elétrica  significa a necessidade de usar calçado próprio para esse tipo de serviço, sem peças de metal, solado de borracha e saltos.

• Pessoas com problemas de saúde necessitam de sapatos com maior profundidade e mais largos, de modo que evite problemas circulatórios. Eles precisam escolher os sapatos que não são bicudos na frente. Sapatos de bicos estreitos podem afetar a postura corporal global e causar dores nas costas além de causar atrito, levando a calos e calosidades, e até mesmo problemas mais sérios.

Dicas na hora de escolher o sapato

•Se você optar por usar sapatos fechados, devem ser suficientemente amplos e profundos. Se você notar que o contorno do seu pé pressiona  seu sapato, é melhor experimentar outro calçado.
Seus dedos não devem tocar no final dos sapatos. Deve haver um intervalo de, pelo menos, um centímetro no final do dedo mais longo.

• Deve-se tomar cuidado com sapatos maiores, pois aparentemente eles podem parecer confortáveis, mas se forem muitos grandes, podem ficar saindo do pé durante a caminhada, oque pode resultar numa queda ou torções.

• Ao calçar os sapatos, você deve-se sentir confortável imediatamente – não pense que os pés lentamente irão se acostumar a eles, pois isso não irá acontecer.

• Sapatos que possuem fivelas ou mesmo velcro para fixá-los, podem dar maior firmeza. Se os pés têm que fazer um esforço para mantê-los no lugar, os músculos dos pés e batatas da perna podem ficar tensos e doloridos e podem ocorrer cãibras.

• O tipo de material do calçado também é importante. Idealmente, os sapatos precisam ser feitos de um material que respira, pois se não, há sempre o perigo de infecções fúngicas.

• De acordo com a American Academy of Orthopaedic Surgeons [AAOS], um sapato de passeio deve ter um leve salto, boa absorção de choques, uma palmilha macia e uma sola anti-derrapante. Um sapato de corrida deve ter amortecedor adequado, flexibilidade, estabilidade no calcanhar, leveza e boa tração.

• Ao comprar sapatos, o melhor é fazer compras no final do dia. A maioria dos pés tendem a inchar durante o dia e é melhor experimentar sapatos quando seus pés estão maiores.
Podólogos sugerem que sempre experimentem ambos os lados.

calos e bolhas nos pés

• Ás vezes, os sapatos que você achar mais confortáveis, não são os mais bonitos, mas ao mesmo tempo, a saúde dos seus pés não devem ser sacrificados por causa da moda. Nessa hora é preciso por na balança: Conforto e equílibrio para seus pés ou pés doloridos, cheio de calos com grandes riscos de lesões? Não pense duas vezes!!! Opte pelo conforto e saúde dos seus pés!!!

• Os ortopedistas aconselham a usar um salto com 2 cm de altura pois proporcionam conforto, equilíbrio e boa marcha.

Quando se trata de calçado, as mulheres tendem a abusar dos seus pés mais do que os homens. Os especialistas sugerem  as seguintes dicas para as mulheres:

• As mulheres devem usar sapatos que de salto baixo [em média 2 cm]. As sapatilhas sem salto, por sua vez, provocam um pequeno desequilíbrio, mas não chegam a causar desconforto. Ainda, os saltos de quatro centímetros são ótimos para quem tem pés cavados, mas provocam nas pessoas que não têm esse formato de pé o mesmo desequilíbrio que as sapatilhas sem salto. Os saltos com seis ou mais centímetros constituem uma agressão à saúde e devem ser evitados por todas.

•A maioria dos sapatos de salto alto têm um bico estreito, que força o pé a ficar em uma posição não natural e confortável. Isso pode levar a inúmeros problemas, incluindo desconforto ou prejuízo para os dedos dos pés, tornozelos, joelhos, panturrilhas e costas.

• Quanto maior o salto, mais estresse e pressão é colocada sobre o calcanhar e no antepé, causando desconforto adicional. Mas, sapatos de salto baixo também podem causar desconforto, se eles não se encaixam bem.

Opinião pessoal

Sapatos Usaflex

Um dia já cai em tentações de comprar sapatos belíssimos, porém sem nenhum conforto.
Era usar uma vez para nunca mais. Hoje em dia, eu prezo o conforto, mas é claro que também gosto de um sapato bonito e que combine com meu estilo.
Foi quando conheci os sapatos da Usaflex. Jamais tinha experimentado um sapato tão confortável como esses da Usaflex. No começo, os modelos não eram muito atrativos, mas hoje em dia, existem modelos belissímos. Esse eu recomendo! E os ortopedistas também!

Pra quem não conhece os sapatos da Usaflex, vale a pena. Visite o site: www.usaflex.com.br

Confira abaixo alguns modelos e os preços

Clique aqui
para ver
modelos
e preços

Aproveite e veja nossas dicas de como acabar com as rachaduras dos pés.

Compartilhe este artigo:Share on Facebook
Facebook
5Share on Google+
Google+
0Email this to someone
email
Tweet about this on Twitter
Twitter

Quer receber dicas gratuitas de saúde e para emagrecer diretamente no seu email? Basta se inscrever abaixo!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *