31 de Maio – Dia Mundial Sem Tabaco

Dia-Mundial-sem-tabaco

31 de Maio – Dia Mundial Sem Tabaco

Conscientizar a população sobre os perigos do vício e induzi-los ao desejo para parar de fumar definitivamente é um dos principais objetivos do Dia Mundial Sem Tabaco, celebrado todos os anos, no mundo inteiro no dia 31 de maio.

O controle do tabagismo, por exemplo, poderia evitar cerca de 112 mil novos casos de câncer no Brasil este ano, segundo estimativa do Instituto Nacional de Câncer (Inca). De acordo com o órgão, ao não fumar, a pessoa pode evitar desenvolver o câncer de pulmão, de boca e de esôfago, além de outros tumores, já que as substâncias cancerígenas do cigarro percorrem a corrente sanguínea.

O tabagismo é a segunda maior causa de morte no País, atrás apenas da hipertensão. O cigarro é responsável por um número cada vez maior de doenças do aparelho respiratório, circulatório e digestivo. A maioria dos casos de vários tipos de câncer no mundo todo hoje, é provocada pelo tabagismo.

Apesar de todos os riscos que o cigarro pode trazer para a saúde, o número de fumantes não para de crescer. O consumo de tabaco cresce no mundo todo, e o pior é que cada vez pessoas mais jovens estão aderindo ao péssimo hábito de fumar.
É preciso pensar ainda em mais estratégias para diminuir esse hábito.

Dicas para parar de fumar

A dificuldade em abandonar o vício se deve à grande dependência provocada pela nicotina. “Trata-se de uma das drogas mais potentes no sentido da dependência”. Fumantes que abandonam o hábito geralmente sofrem da síndrome de abstinência, o que dificulta o fim definitivo do vício. Estima que de cada dez pacientes que tentam parar, apenas quatro conseguem.

“Eles têm insônia e até entram em depressão por causa da falta da droga no cérebro”, diz. No entanto, após vencer as dificuldades da abstinência, os benefícios são compensatórios. Em poucos meses, seus pulmões ficam limpos novamente, como na época em que não fumava. Além disso, você sentirá mais energia e disposição para as tarefas diárias e sentirá melhor o sabor dos alimentos.

Dicas úteis para deixar de fumar

Como sabemos, parar definitivamente de fumar não é uma coisa fácil. No entanto, isso não significa que seja impossível. Basta ter determinação e desejar de fato se livrar do tabaco. Veja algumas dicas que podem lhe ajudar a deixar esse vício tão prejudicial para a saúde.

* Seriedade e muita determinação. Este é o primeiro passo para quem deseja parar de fumar. Quando não há determinação de verdade, seus esforços pra deixar o fumo serão em vão e infelizmente não terão sucesso.

* Buscar uma motivação forte. Quais são as suas razões para querer parar de fumar? Às vezes é preciso mais do que simplesmente o fato de que “fumar faz mal para a saúde”. Esse critério pode ser vago, apesar de verdadeiro e quem fuma pode acabar não se convencendo de verdade de que precisa e quer realmente parar.

Procure um motivo mais específico para que o seu desejo não seja interrompido pela fraqueza pela falta de cigarro. Por exemplo: Decida parar de fumar para proteger sua família, fazendo com que deixem de ser fumantes passivos. Você pode ainda se agarrar ao risco de câncer de pulmão que você está sujeito caso continue fumando.

* Dieta Anti-tabagismo. A alimentação do fumante pode induzi-lo ao cigarro, enquanto que alguns alimentos podem ter efeito justamente ao contrário: Ajudar a desintoxicar o corpo e se livrar da nicotina e da vontade de fumar. Para maiores detalhes veja o artigo Dieta para fumantes abandonarem o vício

* Pare de fumar gradualmente. Se parar de uma vez, as chances de voltar muitas vezes são maiores. Além disso, a maioria das pessoas se sentem inaptas a parar de fumar bruscamente. Por isso, uma boa alternativa é realizar a interrupção gradual, até que o corpo acabe se acostumando com a redução de nicotina.

* Segure seu impulso de fumar. Se você logo acende um cigarro quando pinta o desejo de fumar, experimente adiar por cinco minutos esse impulso que é praticamente involuntário. No dia seguinte, aumente para 10 minutos e assim sucessivamente. Desta forma, o desejo de fumar reduzirá aos poucos.

* Faça atividades físicas regulares. Exercícios físicos regulares como corrida e caminhada, ajudarão você a obter mais energia, melhor humor e manter o corpo e a mente sã. Atividade física ajuda a aliviar o estresse e assim você não terá mais essa desculpa para acender o cigarro por este motivo.

* Comunique esse desejo à sua família e peça ajuda a eles. Peça apoio da sua família, parentes e amigos para que eles te ajudem nesse processo tão difícil. O apoio deles irá influenciar positivamente no seu sucesso em largar desse vício tão prejudicial não só para a sua saúde como para a saúde deles também.

* Evite contato direto com outros fumantes, principalmente durante os primeiros dias de abstinência que são os mais críticos. Não estamos dizendo para cortar a amizade com estas pessoas, mas é um mal necessário já que no início do processo de deixar de fumar, estamos mais vulneráveis e em condições instáveis. Por isso, é recomendável que se afaste de ambientes onde há fumantes.

* Não deixe o tédio te conduzir ao cigarro. Procure por atividades prazerosas que te deixe entretido, pois desta maneira a tentação de fumar pode ser contida. Normalmente, nas horas vagas e de tédio, as pessoas fumam e dão a desculpa que as tragadas são para preencher a atividade no tempo livre.

Uma dica que ajuda a reduzir o gosto amargo na boca de muitas pessoas que estão deixando de fumar, após uma refeição, é comer algo doce ou salgado. Ele vai substituir instantaneamente a vontade pelo cigarro. Outras maneiras é ler um bom livro, pois a leitura nos mantem entretidos ou então uma boa caminhada.

Veja como deixar de fumar em 12 dias* Conhecer a fundo a composição do cigarro e do perigo que ele representa para a saúde pode ajudar a aumentar a determinação para parar de vez de fumar. As substâncias tóxicas presentes no cigarro como nicotina e outros elementos químicos prejudiciais podem causar muitas doenças como doenças cardíacas, impotência, câncer de pulmão, de boca, de garganta, de esôfago, entre outras.

* Tratamento para parar de fumar. Tabagismo é uma doença e por isso não tenha vergonha em tratá-lo como tal. Procure orientação médica e terapeutas que possam te ajudar nesse desafio. O uso de medicamentos, adesivos e chicletes anti-fumo também podem ajudar a lidar com a dependência de nicotina.

Se o problema for dinheiro, existe uma solução: O Sistema único de Saúde (SUS) tem um programa gratuito para quem deseja parar de fumar. Basta procurar pelo posto de saúde mais próximo da sua casa e se cadastrar no Programa. Para maiores informações, ligue para o Disque Saúde (0800 61 1997).

Compartilhe este artigo:Share on Facebook
Facebook
0Share on Google+
Google+
0Email this to someone
email
Tweet about this on Twitter
Twitter

Quer receber dicas gratuitas de saúde e para emagrecer diretamente no seu email? Basta se inscrever abaixo!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *