Dieta alcalina – Cardápio


A Dieta Alcalina como vimos é uma dieta que promete mais saúde, mais disposição e a cura de uma infinidade de doenças, inclusive o câncer. Ela enfatiza uma mudança nos hábitos alimentares e estilo de vida, com o objetivo de buscar o equilíbrio no Ph no sangue, livrando-nos assim de diversos problemas de saúde, além de promover um emagrecimento saudável de 8 kg em 1 mês.

Dentre as recomendações da dieta podemos resumir em:

- Ingestão de vegetais orgânicas, livres de qualquer agrotóxicos.
- Inclusão de alimentos integrais (diga adeus aos refinados)
- Uma boa ingestão diária de água mineral ou filtrada.
- Consumir alimentos com ácidos graxos ômega-3 diariamente.
- Redução moderada na quantidade de calorias e redução no consumo de açúcar refinado.
- Inclusão de mais alimentos crus em sua dieta diariamente.
- Praticar exercícios regularmente.

Veja mais detalhes sobre a dieta:
Dieta alcalina para equilibrar o ph alcalino

Recomendações
- Procure começar as refeições consumindo primeiramente a salada, que deve conter folhas verdes como rúcula, salsa, couve, alface entre outras. Cebola, pimentão, cogumelo, aipo, quiabo, pepino, nabo e beterraba também podem estar incluídas na salada. Evite usar sal e procure temperar com vinagre de maçã, azeite extravirgem, óleo de linhaça extravirgem e ervas aromáticas (orégano, alecrim e manjericão).

- Coloque mais peixe em seu cardápio, pelo menos 3 vezes por semana, 2 ovos cozidos (2 vezes por semana) e carne vermelha e frango (1 vez por semana de cada um).

- Substitua o purê de batata, por algo mais light como purê de cenoura ou inhame e o arroz branco por arroz integral ou selvagem. Coloque mais grãos na alimentação como lentilha, ervilha, grão de bico entre outros.

- Não se engane pelo sabor. O que determina se um alimento é alcalino é ácido ou alcalino não é o gosto e sim os componentes presentes nele. Por exemplo, embora o limão e o abacaxi tenham um sabor ácido, isso não significa que tenham um Ph ácido. Pelo contrário, essas frutas produzem resíduos alcalinos.

Sugestão de Cardápio para a Dieta do Ph alcalino

Desjejum:

• 1 copo de água com algumas gotas de limão espremido

Café da Manhã

Opção 1
• 1 copo de suco de clorofila. Modo de fazer: Bata na centrífuga ou liquidificador 2 folhas de couve, 1 xícara (chá) de folhas de agrião, 1 folha de alface ou de erva-doce, 1 copo de suco de laranja puro, 1/2 cenoura ralada, um punhado de hortelã ou agrião, 1 colher (sopa) de gengibre picado. Adoçante e gelo a gosto. Beba na hora e de preferência sem coar.

Você pode ainda comprar sachês de clorofila congelada em lojas de produtos naturais e bater no liquidificador com 300 ml de água. Outra opção de suco é bater no liquidificador 1 maçã ou pera batida com água de coco (200 ml), 1 folha de couve, 1 punhado de salsinha e outro de hortelã
• 1 biscoito integral com 1 col. (sobremesa) de geléia de frutas vermelhas ou laranja (sem açúcar)

Opção 2
• 1 copo de suco verde (2 maçãs, 1 pepino, 1 folha de couve e 1 pedaço pequeno de gengibre batidos no liquidificador) ou 1 copo (200 ml) de suco de 2 maçãs e 3 talos de aipo batidos no liquidificador.
• 1 banana amassada com 1 col. (sopa) de farelo de aveia ou linhaça dourada e 1 col. (chá) de mel

Lanche da manhã

Opção 1
• 1 xícara de chá verde
• 1 taça pequena de salada de frutas: Sugestão de frutas: pera, banana, maçã, manga, kiwi, nectarina, tangerina, abacaxi, manga, cereja e ameixa + 1 colher de sopa de uva passas + 1 colher de sobremesa de linhaça dourada triturada ou 1 colher de sobremesa de chia.

Opção 2
• 1 xíc. (chá) de chá verde
• 4 castanhas de caju, nozes ou amêndoas sem sal
• 2 fatias de melão picadas com 1 col. (sobremesa) de mix de fibras (sementes de gergelim, girassol e abóbora em proporções iguais)

Almoço

Opção 1
• 1 prato com salada de folhas verdes: alface, acelga, couve crua, rúcula, cebola, cebolinha, aipo e cogumelos champignon
• 4 col. (sopa) de grão-de-bico com 1 col. (sobremesa) de tahine
• 2 col. (sopa) de frango desfiado

Opção 2
• 1 prato (sobremesa) de salada de rúcula, alface, agrião, rabanete e couve-de-bruxelas.
• 1 prato (sobremesa) de espinafre refogado
• 1 filé médio de salmão assado com alecrim
• 2 col. (sopa) de purê de batata, inhame ou cenoura

Lanche da tarde

Opção 1
• 2 punhados de sementes de girassol ou de abóbora torradas
• 1 col. (sopa) de pasta de grão-de-bico + aipo + pimentão amarelo + tomate-cereja
• 1 tangerina

Opção 2
• 1 copo de leite de soja batido com morangos + 1 col. (sobremesa) de farinha de linhaça dourada ou chia
• 5 unidades de amêndoas, nozes ou castanhas

Jantar

Opção 1
• 2 pratos (sopa) de sopa de legumes com alga kombu e 2 col. (sopa) de arroz selvagem ou integral ou
• 2 pratos de sopa de abóbora com alga kombu (alcalina e rica em minerais, sobretudo iodo, é encontrada em casa de produtos naturais)

Opção 2
• 1 prato de grãos da sua preferência: lentilha ou feijão branco ou feijão preto ou ervilhas entre outros.

Ceia

Opção 1
• 1 xícara de chá de erva-doce + 1 fatia de abacaxi aquecida com raspas de limão por cima

Opção 2
• 1 xícara de chá de chá de camomila + 1 pera cozida

Conte para seus Amigos...Share on FacebookShare on Google+Email this to someoneTweet about this on Twitter
Bookmark the permalink.

4 Comments

  1. jose alberto dos santos lessa

    Muito boa a matéria.

  2. Como a matéria ainda não está muito divulgada, peço o envio – se possível, de uma tabela de alimentos e seus respectivos Ph e mais receitas se houver.
    Sds,
    Brian.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>