Dieta Dissociada – Emagrecer 10 kg em 1 mês

O que é a Dieta dissociada?

O princípio básico da Dieta Dissociada é que todos os alimentos podem ser consumidos, mas não devem consumidos de uma vez. Pode comer a quantidade que quiser, desde que não misture carboidratos e proteínas durante a mesma refeição. Segundo Dr. Hay, criador da dieta, dissociar (separar) o consumo isolado de cada alimento, mesmo em grandes quantidades, não engorda.

Essa dieta pode ser feita de duas maneiras, o de consumir um único grupo de alimentos por uma refeição, ou então consumir um único grupo de alimentos em um dia. Esse último não é recomendável, já que pode causar deficiências nutricionais ao organismo. Existem variações dessa dieta. Os mais famosos são a Dieta de Montignac e a Dieta de Anthony Shelton.

Como fazer a Dieta Dissociada

Resumindo, você pode comer à vontade, desde que não misture carboidratos e proteínas na mesma refeição. A forma mais equilibrada dessa dieta é comer carboidratos no almoço e proteínas no jantar, sempre num intervalo de pelo menos 4 horas entre essas refeições. “À noite o gasto energético é menor, por isso boa parte das massas ingeridas não é queimada“, justifica o endocrinologista João César Castro Soares, autor do livro Dieta Dissociada – Emagrecer com Saúde Comendo de Tudo, que indica ainda uma dieta líquida uma vez por semana para potencializar o emagrecimento. “O ideal é que o cardápio dissociado seja seguido por até três meses, mas nada impede que se estenda esse prazo, já que ele é balanceado e fornece 1.500 calorias por dia.”

Segundo o autor do livro, é possível perder até 10% do peso fazendo essa dieta, e o melhor de tudo é que poderá emagrecer sem se privar de nada, tendo apenas o cuidado de não misturar carboidratos e amidos, com proteínas e gorduras.

Regras da Dieta Dissociada

  • Evite o açúcar. Se necessário, use adoçante ou mel.
  • Fazer intervalos de quatro a cinco horas entre as principais refeições.
  • Pequenos lanches nesses intervalos são permitidos.
  • Não misturar carboidratos e proteínas na mesma refeição.
  • Grãos, tubérculos e farináceos devem ser consumidos na refeição dos carboidratos, jamais com as proteínas como carnes, ovos ou derivados do leite pois essa combinação induz o corpo a produzir insulina que depois se transforma em gordura.
  • Reserve um dia da semana para se alimentar apenas de líquidos. Esse dia serve para potencializar o emagrecimento e dexintoxicar o organismo.
  • Evite os doces, no máximo, reserve apenas um dia da semana para eles e seja moderado(a).
  • Verduras podem fazer parte de todas as refeições, exceto tubérculos.

Vantagens da Dieta Dissociada

  • Perda de peso significativa e rápida
  • Sistema muito fácil de implementar e acompanhar.
  • Preparar um único tipo de alimento poupa tempo na cozinha.
  • Você pode comer sem se preocupar com a quantidade.
  • É uma dieta que se pode seguir a vida toda, porque não faz restrição à qualquer tipo de nutriente. Os alimentos são apenas separados, mas tudo o que o corpo precisa é consumido ao longo do dia.

Desvantagens da Dieta Dissociada:

  • Comer carboidratos e proteínas separadamente fará que seu organismo não absorva os aminoácidos corretamente, fazendo com que a proteína seja usada como fonte de energia. Isso pode acarretar em perda de massa muscular e não de gordura.
  • Ao separar os alimentos em cada refeição ou dia, você reduz a capacidade de assimilação e absorvição dos mesmos.
  • A recuperação do peso e o efeito ioio é comum após essa dieta, caso não haja uma boa reeducação alimentar.
  • Nenhum estudo científico comprova que separar os grupos de alimentos pode perder peso. Segundo especialistas, a perda de peso acontece devido apenas pela restrição calórica.
  • Separar carboidratos de proteínas  pode ser uma tarefa difícil para muitas pessoas, já que não poderá comer arroz com carne, ou batata com carne por exemplo.

Exemplo de cardápio da Dieta Dissociada por uma semana:

Café-da-manhã:
Para beber, opte por leite desnatado, leite de soja, chá, café e suco sem açúcar. Acompanha torradas, pães e cereais com geléias diet e light ou margarina light.

Lanche da manhã:
Uma fruta e/ou barra de cereais sem açúcar.

Almoço:
Entrada: verduras e legumes (crus, cozidos ou grelhados).
Prato principal com carboidrato: massas, tubérculos (batata e mandioca), arroz, feijão e outras leguminosas (ervilha, lentilha, grão-de-bico).
Sobremesa: frutas.

Lanche da tarde:
Iogurte desnatado e sem açúcar, queijos magros e gelatina.

Jantar:
Entrada: saladas e sopas com verduras e legumes.
Prato principal: carnes magras grelhadas, cozidas ou assadas. Evite as peles de frango e as gorduras das carnes. Se preferir, acompanhe com ovos e queijos.
Sobremesa: pudins, manjares ou gelatinas, todos diet.

Lanche noturno:
Caldos, chás, iogurtes e queijos.

Veja Também:
Sugestão de Cardápio para Dieta Dissociada (1500 calorias)

Livro Dieta Dissociada – Emagrecer com saude comendo de tudo!

Dieta Dissociada
Emagrecer Saudável
Comendo de Tudo
João César Castro Soares
Clique aqui para saber mais!

Bookmark the permalink.

10 Comments

  1. Pingback: Cardápio de 1500 calorias para a Dieta Dissociada | Dieta Saúde e Beleza

  2. Pingback: Qual o seu tipo metabólico - Carboidrato, proteína ou misto | Dieta Saúde e Beleza

  3. quero emagrecer me ejude

  4. luis carlos schiavinato

    com certeza esta é umas das melhores dietas que conheci….

    • Oi Luíis Carlos!
      Essa dieta é muito boa sim e um dos principais motivos é que não se corta nem carboidratos e nem proteínas. Basta comê-los separadamente. Assim o corpo não corre o risco de ficar em déficit de nutrientes. Essa dieta ajuda a emagrecer rápido e com isso ficamos mais animados para entrar em uma reeducação alimentar, que é a melhor forma de manter o peso, já que ficar de dieta a vida inteira é complicado né!
      Abraços!

  5. alguem que já fez essa dieta pode me dizer se funciona?
    obg

    • Oi Carol!
      Essa dieta funciona sim, além de ser relativamente em seguir. Mas tenha em mente que a reeducação alimentar sempre é o melhor caminho. Até podemos fazer as dietas para perdermos peso substancialmente e assim ficarmos mais motivadas, mas como sabe, quando a dieta é interrompida os riscos de recuperar o peso perdido é enorme. Por isso, lembre-se que assim que parar com a dieta, de tentar a reeducação alimentar, que é a melhor maneira de evitar o efeito sanfona e o ioio.(platô).
      Abraços!

  6. AI NÃO PERCA TEMPO VÁ DIRETO AO PONTE TEM UMA NOVIDADE NATURAL VEJA NA MINHA FÃ PAGE: http://goo.gl/LzOAE

    • Oi Antônio!
      Vi que faz propaganda de um remédio emagrecedor chamado Redox-San… Ele realmente funciona? Quais são os princípios ativos desse remédio? Aguardo mais informações. Obrigada. Abraços!

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>